27 de novembro de 2016

Nossa mensagem: Cristo, e esse ressuscitado!

Jonas 1.2
"Vai a grande cidade de Nínive e prega contra ela".

Nínive a capital da assíria em 740AC, casa de verão do imperador e sede do governo. Lugar extremamente estruturado, tanto bélico, quanto governamental. Sede de um governo de extensão de 127 províncias. Jonas por sua vez consultor de assuntos espirituais do reino do norte, no reinado de Jeroboão II, onde tinha predito que reino seria de prosperidade (2 Rs. 14.25). Agora tem que ir para Nínive em uma convocação de Deus para "pregar". 

O que percebo no livro de jonas e em seu contexto é o medo da possibilidade de se relacionar com os assírios, mas a ordem de Deus não foi para relacionar-se com eles mas sim pregar. Alguns diriam: - Ah, mais para pregar temos que conhecer público pelo qual irá e direcionar a mensagem, não é mesmo!? Mas Jonas sabia quem eram, o que faziam, suas atividades. O que não queria era sua conversão! O que torna o chamado de Jonas interessante ele sabe com quem está lidando, o que Deus estava a pedir era seu compromisso com a mensagem.

Irmãos, o que Deus requer de nós como pastores, pregadores e etc..., não é viver da forma com que as pessoas pelas quais vamos exercer nosso ministério, ou se quer viver com elas, no sentido de dar opiniões sobre suas vidas se é certo ou errado, mas o compromisso de não negociar a mensagem, e nem fazê-la palatável e devidamente ajustada a uma realidade, caso contrário não será evangelho, pode ser qualquer outra coisa, mais não será a palavra de Deus. 

Jesus nasceu para que se cumpra as escrituras, morreu por nossos pecados segundo as escrituras, ressuscitou ao terceiro dia segundo as escrituras. A mensagem é Cristo, e esse ressurreto! Será inútil todo tipo de pregação que não tenha Jesus no centro. Jesus não blindava pessoas sobre quem diz ser, muito pelo contrário, ele as deixava refletir se de fato ele era o messias para cada um com que ele tinha contato. Pregamos não como propaganda religiosa, pregamos porque é a única forma da voz do que clama despertar fé nos eleitos.

Soli deo Gloria,
Jessé Almeida.
Posted on by Jesse Almeida