IdeFácil

5 de dezembro de 2013

A grandeza de Cristo

LEITURA BÍBLICA: Romanos 1.1-6
[Cristo Jesus] ... foi declarado Filho de Deus em poder (Rm 1.4).

A carta de Paulo aos Romanos é um dos livros mais empolgantes da Bíblia. Quantos livros não foram escritos a seu respeito? Perdeu -se a conta. 
O autor começa pela descrição da grandeza de Cristo. Ele foi grande em linhagem. Jesus era da linhagem de Davi, o rei mais importante da nação de Israel. 
Depois Paulo descreve Cristo como grande em pessoa. Hoje, o nome de Cristo é conhecido no mundo todo apesar de haver quem tente proibir sua divulgação. 
A grandeza de Cristo também se manifesta em seu caráter. Nesse ponto, ninguém, nem mesmo os seus inimigos, consegue acusá -lo seja do que for. Quando ele perguntou aos seus acusadores por qual obra queriam condená -lo, os próprios inimigos confessaram não saberem de nenhuma (Jo 10.32-33). 
Cristo foi grande em habilidade. Nada do que fez foi imperfeito. Tudo ele fazia demonstrando a sua soberania. Jamais foi prisioneiro da opinião dos homens, da política, do patriotismo ou do medo. Sempre manteve o domínio de tudo e de todos. Sequer a natureza o contrariou ou impôs sua força a ele. 
Mais ainda, demonstrou sua grandeza pelo modo como se comportou na morte. Ele mesmo a presidiu e dirigiu. Mesmo sabendo do seu horror, ele a conduziu. Ele mesmo determinou a hora da sua morte. Depois de afirmar muitas vezes que sua hora ainda não havia chegado, no momento certo ela declarou; "Chegou a hora" (Jo 17.1). Não lhe foi tirado o espírito. Ele mesmo o entregou. "Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito" (Lc 23.46), afirmou e, dizendo isso, expirou. Quem poderia ter tal grandeza? 
Por fim, deu a prova definitiva da sua grandeza como Filho de Deus ao ressuscitar dos mortos. Este é o Jesus que adoramos e que convida todos a, por meio dele, se reconciliarem com Deus. – MJT 

Jesus abriu mão de sua grandeza para torná -la acessível a todos nós.