IdeFácil

26 de agosto de 2009

Boas notícias ! - 1 Ts. 3.6-10


As Notícias podem ser boas e ruins (descobri a pólvora), mas podem ser também como remédio para aqueles que as recebem. Para Paulo, conforto e consolo. Pelo amor que sentia pela igreja, as notícias tinham significado especial. Vamos ver o versos seguintes:

Verso 6 - A terceira sub-seção descreve a volta de Timóteo depois da sua visita à igreja. Suas boas notícias trouxeram consolo ao Apóstolo, que expressa seus sentimentos de explosão e alegria.

“Agora, porém...” => Indica a alegria e o alívio de Paulo a fim de compensar o fato de que ele mesmo ainda não poderia visitá-los. Com o retorno de Timóteo ( Com Silas At.18.5);

...boas notícias...” => As boas notícias, logicamente, referentes ao evangelho, mas aqui Paulo especificou quais notícias seriam (vv. 1 Ts.3.5), o estado da fé e do amor. Fé e amor para Paulo são duas qualidades vivas e vitais para a existência do Cristianismo. Fé é atitude que traz as pessoas a conhecerem a salvação; Amor traz uma nova perspectiva na vida com Deus e com o próximo;

“...que sempre guardais...” => A mensagem está sempre associada ao missionário, ou seja, Paulo quer lembrá-los o modo de como viveu no meio de deles, positivamente (como exemplo) e calorosamente (no trato) [ 1 Ts. 1.4];


Verso 7 - “...por isso...” => O sentido aqui é causal dando a razão do consolo, “por causa de vós”, fui encorajado (3.2);


“...apesar de todas...” => Paulo lembra que apesar de todas a dificuldades, sua preocupação está saciada pela visita de Timóteo;


Verso 8 - “...firmados no Senhor...” => Observamos nesta construção que a ‘preocupação’ era tamanha que a palavra grega indica que o Apóstolo não estava vivendo de modo correto. O fato de estar intimamente ligado aos convertidos lhe dava fraqueza espiritual. Mesmo assim, via a situação como parte de um processo de morte da antiga natureza (sendo provado);


Verso 9 - “...ações de graças...” => A alegria sentida por Paulo é resultado do encorajamento pelas boas notícias trazidas por Timóteo. A tradução seria = “estou tremendamente grato a Deus - reconheço, porém, que sou incapaz de dar-lhe a gratidão que merece”;


“...tributar...” => O verbo tributar transmite a idéia de dar a alguém aquilo que lhe é devido;


“...por toda a alegria...” => Indica a emoção imediata que o Apóstolo sentiu após as notícias, que o levaram a agradecer a Deus (acabou a preocupação). Alegria e ações de graças não são parecidas. Vamos ver um exemplo:


Alegria - suponhamos que uma criança pode ficar cheia de alegria com um presente, mas precisa ser lembrada que deve agradecer quem o deu;


Ações de graças - Na América se tornou um dia especial de agradecimento a Deus e ações de graças está intrinsecamente ligado a Deus. Para caráter de informção dia de ação de graças é justamente no dia da Reforma (31 de outubro). Portanto, não só pelo fato de que ele fez por nós (na cruz), agradecemos, mas pelo fato de que Ele fez tudo, porque são maravilhosas. “Damos graças a Deus...” (1 Ts. 1.1) [ações de graças]


Verso 10 - ...com máximo empenho...” => Me esforço com maior empenho orando por vós dia e noite, para que tenha em Deus o que lhes dar de alimento, para saber em que sua fé está em falta, e o Deus de toda graça me dê a palavra correta na necessidade de vocês. Paulo diz: "quero encontrá-los, mas não de mãos vazias, quero lhes dar conteúdo, base doutrinária".


No próximo domingo veremos a última seção do Capítulo 3. Leia e fique vislumbrado com a beleza da escritura.


Soli Deo Gloria




Posted on by Jesse Almeida in